Newsletter

About Author

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

“Eu quero a sorte de um amor tranquilo

Com sabor de fruta mordida…”





Todo amor que houver nessa vida

Cazuza