Newsletter

About Author

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

"Sou inquieta e áspera e desesperançada. Embora amor dentro de mim eu tenha. Só que não sei usar amor. Às vezes me arranha como se fossem farpas."




(Clarice Lispector in "Água Viva.")